Translate

domingo, 12 de fevereiro de 2012

WHITNEY HOUSTON

A cantora Whitney Houston morreu neste sábado (11) aos 48 anos, em um quarto de hotel em Beverly Hills, nos Estados Unidos. Uma das artistas mais premiadas de todos os tempos, segundo o Guinness Book, a cantora norte-americana Whitney Elizabeth Houston nasceu em Newark, no estado de Nova York, em 9 de agosto de 1963.

A lista de prêmios inclui dois Emmy Awards, seis Grammy Awards, 30 Billboard Music Awards e 22 American Music Awards, num um total de 415 prêmios conquistados em sua carreira até 2010. Houston também é uma das artistas mais bem sucedidas do mundo da música, tendo vendido por volta de 200 milhões de discos em todo o mundo.

Sua maior inspiração musical foi a família, formada pela mãe Cissy Houston, os primos Dionne Warwick e Dee Dee Warwick, bem como sua madrinha, Aretha Franklin.

Houston começou a cantar com o coral gospel júnior aos 11 anos de idade. Pouco tempo depois, a cantora passou a atuar ao lado da mãe em casas noturnas da cidade de Nova York, onde acabou sendo descoberta por Clive Davis, empresário da Arista Records.
Seu álbum de estreia, intitulado Whitney Houston, foi lançado em 1985 e se tornou o álbum de estreia mais vendido por uma artista feminina, com 25 milhões de cópias comercializadas.
Em 1987, foi a vez dela lançar Whitney, que trouxe um novo recorde: tornou-se o primeiro álbum de uma artista feminina a estrear em primeiro lugar na parada da revista Billboard.
De forma geral, Whitney emplacou grandes sucessos nas paradas de música popular, bem como sua proeminência na MTV, começando com seu vídeo de "How Will I Know",7 permitiu várias artistas femininas afro-americanas seguirem em seu sucesso.
Estreia no cinema 
O primeiro papel da cantora no cinema foi no filme O Guarda-Costas, que ela estrelou em 1992, no qual fez um enorme sucesso como a protagonista.
A trilha sonora original do filme, cantada por ela, ganhou o Grammy de 1994 de Álbum do Ano. Seu primeiro single, I Will Always Love You, se tornou o mais vendido por uma artista feminina na história da música.
Houston continuou como estrela de filmes e contribuiu com a trilha sonora dos mesmos. Três anos após o lançamento de seu quarto álbum, My Love Is Your Love (1998), Whitney renovou seu contrato com a gravadora Arista Records. Ela lançou seu quinto álbum de estúdio, Just Whitney, em 2002, e o natalino One Wish: The Holiday Album, em 2003.
Vida turbulenta 
Em meio a ampla cobertura da mídia de sua turbulência pessoal e profissional, Houston terminou seu casamento de 14 anos com o cantor Bobby Brown, em 2006.
Os dois tiveram uma filha, Bobbi Kristina e viveram um romance conturbado, com direito a manchetes sobre consumo de drogas e bebida. Ele chegou a ser preso em dezembro de 2003. Whitney, inclusive, o acusou de ter sido agredida por ele.
Em 2009, Houston lançou seu sétimo álbum de estúdio, I Look to You. Whitney era frequentemente comparada a grandes artistas do passado, como Frank Sinatra, Aretha Franklin e Elvis Presley e também está entre os 500 Maiores artistas de todos os tempos da Revista Rolling Stone.
A artista faleceu na noite de sábado, 11 de fevereiro. As causas ainda são desconhecidas. 




Um comentário:

PIMENTA E POESIA (Maria Tereza) disse...

Atos, o que mais me intriga nessa questão toda das grandes divas é o quanto elas são solitárias, o quanto de afeto e atenção lhes faltou em algum momento, levando-as a um processo de auto-destruição, comumente, sem volta. Escreverei sobre isso hoje no blog.Abração, querido!